Pastagem para Ovinos e Caprinos

Os ovinos apresentam como principais produtos a carne e a lã, enquanto os caprinos apresentam como principais produtos a carne e o leite, sendo a lã e leite produtos com alto valor agregado e nicho de mercado específicos. Ambos necessitam de uma alimentação adequada e balanceada para obter o máximo de seu desempenho, sendo a fonte de alimentação mais utilizada e econômica as pastagens.

Pastagens com espécies forrageiras e/ou manejo inadequado levam o produtor a gastos elevados com suplementação proteica para os animais, logo o lucro do produtor pode ser menor, devido ao baixo aproveitamento do pasto da propriedade, levando a dificuldades na competitividade do mercado. Então para não cometer esses erros e escolher a forrageira mais adequada, devem ser consideradas as características apresentadas a seguir:

  • Características de solo e clima: é fundamental saber a composição do solo para avaliar a forrageira que melhor se adapte a ele e que exija as menores quantidades correções, além de que o volume pluvial durante o ano tem que atender as necessidades da pastagem e ainda ajuda a direcionar estratégias para a época seca, que podem ser produção de feno ou silagem, uso de cultura de inverno ou deferimento de pastagem.

  • Disponibilidade de capital e equipamentos para implementação/manutenção da pastagem: a implementação/manutenção de uma nova forragem exige que o solo passe por processos de calagem, adubação, em época da seca irrigação e compra de sementes/mudas da forrageira, o que pode ser inviável para pequenos produtores, por isso é essencial adaptar a escolha da forrageira a realidade que a fazenda está inserida.

  • Atender as exigências da raça, fase desenvolvimento do animal e se a finalidade daqueles animais é para leite, corte ou produção de matrizes.

  • Mão de obra capacitada para determinar o momento de entrada e saída dos animais do pasto rotacionado, calcular a capacidade de animais conforme a época do ano, quantidade necessária ou não de suplementação proteica e de sal mineral.

  • Cultura atual no pasto e histórico de parasitas da fazenda e região que podem infectar os ovinos ou atacar as forrageiras.

Além dos pontos comentados acima, podemos salientar a importância do tipo de manejo contínuo ou rotacionado, e ainda, as preferências dos animais. O manejo contínuo consiste em manter animais durante o ano todo em um único pasto, onde o número de animais no pasto deve aumentar na estação chuvosas e diminuir na seca, exige menos mão de obra, menos construção de cercas e bebedouros, porem precisa de áreas grandes e dentro delas podem existir regiões de subpastejo ou superpastejo tornando o pasto irregular, as espécies forrageiras mais utilizadas são de porte baixo, semi-prostadas e estoloníferas/rizomatosas como Cynodon sp, Tifton-85, Paspalum sp.

Já o manejo rotacionado os animais ficam um determinado período no pasto e após esse período são levados a outro pasto, permitindo um número elevado de animais em pastos por períodos, exige mais mão de obra, construções de cercas e cochos para cada pasto, os pastos são consumidos de forma uniforme e maior sobra de material morto e colmos podem ser utilizados para silagem, as espécies mais utilizadas são de porte alto, cespitosas, com ritmo de crescimento acelerado como Panicum sp, Pennisetum purpureum, Andropogon.( ruralpecuaria, 2011).

Ainda devemos nos atentar as preferencias dos ovinos e caprinos por capins de altura baixa e por folhas, assim pastos altos podem incomodá-los e na rotação da pastagens deve-se atentar a presença de folhas na forrageira para permitir um crescimento rápido das plantas após a saída dos animais, sempre evitando o uso de Brachiaria decumbens ou humidicula, que podem causar fotos sensibilização no animais jovens, e que correspondem a maior parte das pastagem no país. (agrolink,2020).

Portanto, uma análise criteriosa da propriedade é indispensável na escolha da melhor forrageira, também o manejo e dinâmica dentro da propriedade são fatores essenciais para implementação e manutenção bem sucedidas, gerando melhoras nos índices de ganho de peso e crescimento, evitando perda de peso ou abortos por desnutrição na época da seca e diminuindo a suplementação proteína conforme a necessidade do animal.

Nós da EMVEP Jr já realizamos serviços de análise de solos, implementação de produção de ovinos, análise de mercado e diversos outros serviços. Tem dúvidas em como melhorar sua produção ou outras dores? Entre em contato!! Referencia Bibliográfica Disponível em : www.agrolink.com.br/noticias/pastagem-e-fundamental-na-criacao-de-ovinos-e-caprinos_430229. Acessado em: 25/05/2020Disponível em : www.milkpoint.com.br/artigos/producao/manejo-da-pastagem-para-ovinos-parte-1-30541n.aspx Acessado em: 25/05/2020Disponível em : ruralpecuaria.com.br/tecnologia-e-manejo/caprinos-ovinos/pastagens-para-producao-de-ovinos Acessado em: 25/05/2020

Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Av. Duque de Caxias Norte, 225 - Pirassununga - SP
Universidade de São Paulo - Campus Fernando Costa

E-mail: emvepjr@emvepjr.com

Telefone: (19) 3565-4003 | (19) 98268-2768

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube
Patrocinador
Parceira